sábado, 20 de novembro de 2010

Renhó-nhó-nhó

.
Queixo-me, queixo-me, queixo-me. De tudo e de nada, de coisas que antes não me incomodavam, daquilo que já me parecia mau e agora me parece monstruoso, e de coisas que agora parecem acontecer só para me irritar. Queixo-me até de coisas que, enquanto em terras de sua majestade Rainha Beatriz, me faziam suspirar de saudades. Espero que me passe tanto fastio, que (é que ando mesmo passada com certas coisas) não faz bem à saúde.
.

2 comentários:

Andorinha disse...

Isso :)

Tuxa disse...

Eu sempre disse que emigrar nao é facil... mas regressar a casa depois de emigrar deve ser um inferno! Bj