terça-feira, 20 de novembro de 2012

Carta ao Sr. Costa

.
Caro Sr. Costa aka Exmo. Sr. Presidente da Câmara Municipal de Lisboa,
.
É do conhecimento geral que os senhores que pertencem ao grupo parlamentar do PS estão mal habituados no que aos automóveis diz respeito, mas pelos vistos os da Câmara de Lisboa também. Diz-me a minha mãe e confirma-me o Público desta manhã que quer impedir carros anteriores a 2000 de circular na Baixa e na Av. da Liberdade* apartir do primeiro trimestre de 2013 e a desculpa o motivo (onde é que já ouvimos isto?) é que são imposições da UE. Sr. Costa, o meu primeiro carro morreu com 10 anos porque o arranjo de que precisava era demasiado caro para um tempo de vacas ainda gordas, pelo que se decidiu na família ser mais razoável trocá-lo por um novo, usufruindo do abate "paitrocinado" pelo estado. O atual foi planeado para pelo menos 10 mas, sendo que as vacas já estão magras e ainda mais vão emagrecer, dava-me um certo jeito que se aguentasse mais uns - quantos mais, melhor, que não sou esquisita e desde que não me deixe permanentemente apeada, não me queixo se tiver de andar de Clio (Clio, Yaris, potatoe, potato, o sr. percebe). Mas convém-me que me deixem circular na cidade onde vivo e trabalho, onde pago impostos, onde apanho a m€rd@ da cadela, onde chamo os monos para que a tralha velha não se acumule na rua e outros pormenores assim sem importância. Por isso, peço-lhe encarecidamente que explique na UE que não estamos em tempo de mariquices. E, caso seja o Sr. a não perceber, eu explico-lhe, trabalho a recibos verdes e até sou baratinha, até lhe faço uma apresentaçãozinha para a UE, com desenhos e legendas logo em Inglês. Sabe, é que eu dou aulas a crianças apartir dos 3 anos e se eles me entendem mesmo quando insisto em dizer que o boneco que tenho na mão it's a dog e não um cão, tenho a certeza de que vossas excelências também compreenderão.
.
Sem outro assunto - de momento - me despeço, com os melhores cumprimentos e com a promessa de pensar bem em quem vou votar na próxima vez que houver municipais.
.
* a teoria para os cortes de tráfego anteriores era a ausência de catalizador nos carros até certo ano, tenho uma certa curiosidade de saber qual é o problema dos anteriores a 2000; não terem vidros elétricos nas portas traseiras?; não serem bonitos e modernos q.b.?; não estarem acima das nossas possibilidades, nação rica e em crescimento?
.

2 comentários:

Rachelet disse...

Devem estar a gozar! O meu bólide é de 99 e e muito pouco poluente. Sempre gostava de saber qual é a desculpa. Assim como assim, é verdade que mal bota os pneus nessa cidade à qual cada vez tiram mais encantos com este tipo de medidas... (Nem me falem da «nova» rotunda do Marquês, que acho que vou ter medo quando lá passar.)

Clau disse...

O carro lá de casa é de 96, poucos quilometros e muito pouco poluente (se formos a pensar em questões de queima de CO2 lembro que ainda anda a gasolina e não a gasóleo).. e estes senhores agora querem proibir os carros "velhos" de circularem? Bom, um dia destes, ainda dizem que em toda a região de Lisboa é proibido também andar de carro. Ou então, que um dia é proibido sairmos de casa sem ser para o trabalho, ou melhor, que é proibido respirar... (OK... estou a alargar-me no tema)..